sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Na Venezuela está rodando esse vídeo denúncia contra a Guarda Nacional de Segurança nas fronteiras do seu país.Armas,drogas,gasolina e outros contrabandos passam livremente.

[VIDEO] EL HONOR ES SU DIVISA: Así combate la Guardia Nacional el contrabando en la frontera

                                                        Guardia Nacional Bolivariana.

Na Venezuela está rodando esse vídeo denúncia contra a Guarda Nacional de Segurança nas fronteiras do seu país.Armas,drogas,gasolina e outros contrabandos passam livremente.

                                                    Vídeo denúncia da Venezuela.
Con la ayuda de la Guardia Nacional Bolivariana, el contrabando de extracción con camiones por la frontera es masivo. Los camiones 4 y 5 que se observan en el video cargan gasolina. Esto sucedió a media noche en una de las alcabalas de la frontera con Colombia en el Estado Zulia.


Será que aqui está havendo o mesmo,será por isso que vemos tantos traficantes e bandidos mais armados do que a própria polícia,será por isso que as drogas estão tomando conta da Nação Brasileira,será por isso que os Guerrilheiros das FARC estão entrando livremente em nosso país para darem apoio ao golpe em 2014. Ahhh,não acredito nisso,mas quem está tomando conta e protegendo as fronteiras do Brasil ????
Puxa vida eu tinha me esquecido,a Presidente Dilma Rousseff deslocou um grande contingente da Força Nacional de Segurança para fiscalizar e combater o contrabando e o tráfico de drogas e de armas no Brasil.
Assim esta explicado,e essa Força Nacional foi criada pelo ex Presidente Luis Inácio Lula da Silva.




Força Nacional de Segurança Pública (FNSP), criada em 2004 e localizada no entorno do Distrito Federal, no município de Luziânia, é um programa de cooperação de Segurança Pública brasileiro, coordenado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), do Ministério da Justiça (MJ). É um órgão que foi criado durante a gestão do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, idealizado pelo Ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos.

                  Veja esses vídeo e tirem sua conclusões.






















                  BRASIL,ACORDAAAAA